centros comerciais em Espanha não pode cobrar, ainda, para carregar o carro elétrico

centros comerciais em Espanha não pode cobrar, ainda, para carregar o carro elétrico o objetivo do governo é que, em 2020, 1% dos carros é 100% elétrico, pequena figura que nos coloca na parte inferior da Europa.

o objetivo do governo é que, em 2020, 1% dos carros é 100% elétrico, pequena figura que nos coloca na parte inferio...

Ikea, El Corte Ingles, alguns centros comerciais como o Carrefour e cadeias hoteleiras tinha solicitado ao Ministério da permissão de energia para recolher usuários de energia para carregar os pontos de seu carro elétrico que carrega que estão instalados em seus centros comercial. Agora não pode cobrar para o serviço, mas acredito que deve ser descontado porque não é rentável para o shopping. Considere o custo de instalação, manutenção e energia elétrica.

ponto de recarga no shopping equinócio em Majadahonda. Fotografia: Fer – Electrompas

Google mostra o número da próxima versão do Android: 5.0 ou 9.5? Google estamos acostumados introduzir fa...
Apresentados novos fatos para Zangief, Karin e Kolin de Street Fighter V Chegarão no próximo dia 24 de outubro, junto...

o próximo governo em Espanha terá que empreender reformas importantes e urgentes do setor elétrico.

o problema é que de acordo com a lei de electricidade aprovada em 2013 shoppings não pode ser inscrito como gestores elétricos, o que os impede cobrar diretamente para a energia de forma alguma. Em outras palavras, os novos centros comerciais são obrigados a ter pontos de carregamento para carros elétricos, mas não pode cobrar pelo seu uso, que é derivado de uma manutenção malfeita. Um ponto de carregamento para carros elétricos é caro e shoppings não ver o retorno sobre o investimento de uma forma directa ou indirecta. Se a lei exige que eles mantê-los porque não pode cobrar por ele?

O regulamento não esclarece se ele pode instalar pontos de carregamento com tomada de tipo alemão, o modo 1 ou modo 2, não fala de protocolos de segurança. Um brecha muito perigoso que liga o problema de recargas para carros elétricos nestes centros. Este tipo de barreiras legais estão impedindo o crescimento deve estar percebendo o setor de veículos elétricos compras e investimentos estrangeiros. A parte lesada é o cliente em Espanha que ainda não vê claro que a mobilidade eléctrica é o futuro.

O que faz o carro elétrico para que você possa mostrar o que você pode fazer? Apoio das instituições, e em Espanha, parece que ele não está recebendo o que se traduz diretamente para o usuário não confiar em um tipo de mobilidade que seja mais respeitadora do ambiente. Uma situação que afeta diretamente as vendas de carros elétricos na Espanha, que são muito baixo.

Hipertextual

Nexus Jogador Anunciado no final de yesterday's grande Nexus 6 lançament...

A Nota Samsung Galaxy 3 é um dos smartphones estrela neste Natal. Se você...

dados EXIF (Exchangeable image file format) são um conjunto de informaçõe...

Uma questão importante é Global Settings, vamos modificar: cor de ...

Bibliography ►
Phoneia.com (May 23, 2016). centros comerciais em Espanha não pode cobrar, ainda, para carregar o carro elétrico. Recovered from https://phoneia.com/pt/centros-comerciais-em-espanha-nao-pode-cobrar-ainda-para-carregar-o-carro-eletrico/

About the author


This article was published by Phoneia, originally published in Português and titled "centros comerciais em Espanha não pode cobrar, ainda, para carregar o carro elétrico", along with 18987 other articles. It is an honor for me to have you visit me and read my other writings.