O Huawei Mate 40 será o último modelo a utilizar um processador Kirin

Huawei Mate 40 Pro


Na úem anos recentesão os, os processadores da prã oéassimática Huawei se posicionaram com uma importante alternativa ao todo-poderoso a Qualcomm e a Exynos da Samsung. No entanto, tudo foi para o lixo quando em maio de 2019, Trump prohibiã o a todas as empresas americanas realizar negócios com a empresa asiática.

a Google foi a primeira empresa em questão, neste sentido, já que seu sistema operacional Android, não podçatilde; o a estar presente na os próximos lançamentos de Huawei, obrigando este a lançar, depressa e correndo, sua própria versão não do Android, versão não do Android que tambén tem ao seu negociações para formar um novo não a sua própria loja chamada App Gallery.


no entanto, o problema não foi deixado de aí, e infelizmente para Huawei tem-se expandido até afetar seus processadores. Há algumas semanas, falamos sobre a possibilidade de que a TSMC, o maior fabricante de processadores de todo o mundo, obrigado, seguindo as diretrizes do governo americano, a deixar de trabalhar com a Huawei. lembre-se que TSMC fabrica os processadores Kirin da prã oéassimática, além dás da Apple e Qualcomm.

Finalmente, este rumor foi confirmado pela Huawei através de máximo responsáveis pela divisi não de consumo de Huawei, Yi Chengdong, que afirmã o Huawei Mate 40, será o úúltimo modelo deste fabricante em implementar um processador da gama Kirin pçado por Móvil, divisi não da Huawei.

HiSilicon foi projetadoçado os processadores Kirin da Huawei nos úem anos recentesças, mas não foi gerente de contrato não. Agora que TSMC viu-se obrigada a parar de trabalhar com a Huawei, esta não tem ningún outro fabricante com a mesma experiência que TSMC para fabricar seus processadores.

Uma solução não para Huawei passarça por que a Samsung nos fabricara, no entanto, esta opção nãtambém não é possível. &queres;que Você solução não lhe resta a Huawei?  A única solução não passa por usar o processador MediaTek e Speadrum, o problema é que a tecnologiaéestes processadores são muito más antiga que podemos encontrar nos Kirin, Qualcomm e Exynos, por isso que as prestações, potência e consumo de seus terminais não será, nem por traço, a mesma que os terminais dos dois úem anos recentesças.


Androidsis

O Huawei Mate 40 será o último modelo a utilizar um processador Kirin
Source: português  
August 8, 2020

Next Random post